Naturalismo

Naturalismo é uma visão ou tendência comum a diversos sistemas religiosos ou filosóficos, segundo o qual se concebe a existência, o desenvolvimento e a ação das criaturas sem a devida consideração do império e da providência do Criador sobre elas. Por conseguinte, nesta perspectiva, o homem e o mundo não possuem qualquer obrigação para com Deus. O naturalismo é o cúmulo da cegueira e da ingratidão humana, entorpece o espírito, corrompe a moral e é caminho certo para a danação eterna.

O naturalismo vitupera todos os campos do pensamento e da ação humana, atingindo áreas como as artes, a educação, a economia e a política. Materialismo (seja na forma de epicursimo, estoicismo, marxismo, positivismo etc.), panteísmo (seja na forma de hinduísmo, taoísmo, idealismo alemão etc.), humanismo (seja na forma de neopaganismo, racionalismo, empirismo, kantismo, espiritismo, existencialismo etc.) são manifestações do mesmo naturalismo. Em sentido amplo, todas as falsas religiões e filosofias são naturalistas, pois todas elas não passam de criações humanas; uma só pode vindicar o título de sobrenaturalista, a saber, a religião católica, fundada e estabelecida pelo próprio Deus, para dar testemunho da verdade diante dos homens.

NATURALISMO E FILOSOFIA

NATURALISMO E MORALIDADE

NATURALISMO E ECONOMIA

NATURALISMO E POLÍTICA

 

Anúncios